terça-feira, 1 de julho de 2008

A minha História!!



Quando comecei a correr, vai fazer em Agosto 2 anos, tinha 75kgs e tenho uns míseros 1.60m, sim pequenina mas com muita arrumação, e olhem que não é fácil arrumar tanto kilo!! Foi dificil, confesso, porque como todos sabem ninguém acorda de um dia para o outro com 75kgs, mas entras em depressão de um dia para o outro só de teres percebido que estás gorda. E tive a "sorte" de alguém me ter tirado uma fotografia e me a ter mostrado a dizer: "Fátima vês como estás gorda??" Chorei a noite toda.
Claro que tive de fazer alguma coisa, e liguei á minha irmã que é personal trainer para pedir ajuda, ao que ela me disse: "queres emagrecer, corre, corre até ficares leve, é só o que tens de fazer". Naquela altura as desculpas são imensas e a normal é: "Mas eu detesto correr". Mas teve de ser, deixei de fumar, e lá fui eu, andar durante 15 dias, e depois trotes alternados com andar. Notei que comecei a desinchar, sim eu faço retenção de liquidos, ou melhor eu acho que fazia retenção de tudo, mas comecei a comer saudavelmente, a evitar doces, fritos, beber água e correr todos os dias...e a gostar. No primeiro mês não perdi muitos kgs, como é normal, eu tinha de ser diferente, mas perdi volume, a roupa estava mais solta, não larga, mas não tão apertada. Tive muita força de vontade e uma amiga impecável que acompanhou todas as minhas queixas, a Luisa foi fantástica, e foi bom não estar sozinha, pois concerteza teria desistido, correr com 75kgs ás costas não é fácil. Ao fim de 4 dias já corria 6kms seguidos todos os dias, e devido ao esforço e ao peso, tive de parar 3 dias pois fiz uma lesão no joelho.
Em setembro corri 9 kms seguidos, em Outubro a Corrida do Tejo em 1:07:07, a minha primeira prova e ficou-me no coração, é um marco. 2006 foi um ano maravilhoso para mim, descobri-me como pessoa, a minha vida modificou-se para melhor, e iniciei uma nova vida saudavel. Hoje adoro correr!!!
O que mais me custou?
Foi mesmo a corrida, era muito peso, sempre fiz desporto, desde ginástica desportiva, voleibol, musculação, depois 2 filhos e o desleixo vem logo a seguir, deixamos de pensar em nós e não ficamos nada atraentes. Tinha alguma vergonha da minha aparência, hoje vejo outras mulheres com a mesma aparência que eu tinha quando comecei e apetece-me transmitir uma palavra de incentivo, pois não é fácil, lembro-me de mim.
Sonho?
Correr uma uma maratona. Vou tentar correr em Dezembro a meia-maratona de Lisboa e talvez para 2010 uma maratona.
Não posso deixar de correr, engordo horrores, e sinceramente gosto muito da corrida, pelas pessoas que já conheci, pelo ambiente das provas, pelo desafio de melhorar e nunca estamos bem, podemos sempre melhorar. E ainda me faltam bastantes kilos para parecer uma "gaja gira, gira de morrer". (estou a gozar, eu já sou girissima)
Bons treinos e melhores corridas!!!

4 comentários:

Ricardo Hoffmann disse...

Muito legal partilhar conosco sua história Fatima. Tenho certeza que conseguiras correr a meia de lisboa..eu consegui estreiar nessa distância, e digo é a melhor corrida que existe! Não deixe de tentar!

CORREDOR " X " disse...

Não deixe de fazer a 1/2 esse ano, e em 2010 a Maratona, vai ver que não é o bicho papão, é só ter disciplina nos treinamentos e determinação acima dos limites no dia da prova !

Lénia disse...

Oi Fátima,

Gostei bastante deste relato!

Até porque me revejo um pouco nas suas palavras.

Infelizmente, só agora começo a aperceber-me que no meu caso, até posso correr e treinar para a 1/2 maratona mas continuar com excesso de peso.
A alimentação é agora a minha luta. Sei que é por aí o meu caminho. Não sou pessoa de dietas nem suplementos, por isso estou a descobrir formas de me sentir bem e atingir um peso ideal através da pura alimentação saudável.
Os meus joelhos por vezes já não resistem a tanta corrida, por isso sei que a minha manutenção do peso, não pode passar pelo excesso de treino. Talvez quando perder algum deste peso, possa correr livremente, mas neste momento corro com conta, peso e medida.
Neste momento estou a dar muita atenção à minha alimentação, à agua, às frutas, aos cereais integrais (só até ao almoço), aos legumes e vegetais e a jantares muito pobrezinhos.
Vamos ver no que isto dá.
Há 1 mês atingi o meu peso limite de quase 65 kgs. Espero que em Santo André, esteja mais levezinha e que a gente se possa conhecer.
Por hoje é tudo. Boas corridas Fátima.

Bjos,
Lénia

Graça R disse...

Gostei de ler o seu relato pois ele mostra como é possível, com vontade (e às vezes, algum sacrifício) mudar alguma coisa... sobretudo quando isso, é mesmo importante para a auto-estima e bem-estar! Também comecei a correr há 2 anos (a minha prova "mais a sério" foi também a Corrida do Tejo), e a Corrida tem-me proporcionado, para além de bem-estar, muito convívio, novos amigos e, sobretudo, desafios que me fazem continuar nesta corrida... O meu próximo desafio é a Maratona. Pode ser que nos encontremos por lá...

Graça